terça-feira, 29 de Abril de 2008

Síntese do livro

O livro está dividido em quatro fases: a primeira infância, a segunda infância, a adolescência e a juventude.

Aqui está um esquema com os acontecimento mais importantes das várias fases da vida de Rose:

Primeira infância (página 5 a 52)
Rose vive com os avós numa aldeia. Passa os dias a brincar com o seu avô Markus, respeita a avó Ester, adora folhear os álbuns de fotgrafias da sua família, olha para a grande rosa vermelha que a tia mandou da América, sonhando conhecer sítios distantes e diferentes, vai à igreja luterana no fim do dia de sexta-feira e ao Sábado, passa bons momentos com a sa amiga Ina, filha do médico da aldeia e é na casa dela que escreve a sua primeira carta de amor. No fim desta fase o pai de Rose vai buscá-la a casa dos seus pais para levá-la a viver consigo. Contrariada e enganada por uma promessa que o pai não cumpre, vai viver para casa dos seus pais com estes e com os seus irmãos.


Segunda infância (página 53 a 138)
Rose conhece os seus dois irmãos. O pai de Rose compra um carro. Começa a ir á escola. O avô Markus morre. Conhece os avós maternos.Começa as aulas de religião com o senhor Heim. Festejam o Rosh Hashanah. Chega Lili, amiga da mãe de Rose, que vai ser a sua professora de piano. A tia Helga casa-se e vai com o marido a casa de Rose. Rose descobre finalmente como se fazem os bebés. Rose e o seu irmão Bruno passar as férias com os avós paternos onde comemora a Páscoa. Entra no liceu em L... Vai a uma reunião de sionistas, pede aos pais para começar a ir regularmente mas eles não deixam. Uma americana, irmã do sr. Speer visita a família de Rose. O tio Franz casa-se com Marie e eles visitam a família de Rose a quem mostra a cidade e com quem tem grandes conversas. O pai de Rose é eleito rei da festa do tiro. Frieda morre. Rose tem a sua primeira menstruação. Rose e o irmão voltam a passar as férias em casa dos avós paternos e conhecem Ernst. A barmizwoh de Bruno, o dia em que os rapazes são introduzidos na comunidade hebraica. O sr. Heim morre.

Adolescência ( página 139 a 184)
O pai de Rose adoece e morre. Rose e sua família vão viver para outra cidade, onde a sua mãe tem uma pensão. Conhece os clientes desta: Sr. Kahn, Fräulein Braun, Dr. Schramm e Beloz Amadi Conhece Paul, com quem namora e Kurt. Beloz Amadi sai da pensão.Visita a casa do pai. Rose sai de casa para trabalhar. Vai viver para casa dos senhores Krempke. Começa a dar aulas de piano ao filho do patrão. Reencontra Beloz Amadi. Janta em casa da sua colega Else e conhece o seu namorado, Rolf Levy. Acaba tudo com Paul e Kurt visita-a. Kleine Oma morre e Beloz Amadi abandona Berlim. Else aborta.
Juventude (p185 até ao fim )
O sr. Herz morre. Rose saiu de casa dos Krempke e aluga um quarto num prédio moderno. Else sai de Berlim. Dois homens convocam Rose a ir a um quartel devido a uma carta que mandou a Kurt em que diz que Hitler é mentiroso. A sua vizinha de quarto, Hedwid ajuda Rose. Esta vai a Alexanderplatz como lhe mandaram e quem a atende dá-lhe cinco dias para fugir.

Juventude (página 185 até ao fim )
O sr. Herz morre. Rose saiu de casa dos Krempke e aluga um quarto num prédio moderno. Else sai de Berlim. Dois homens convocam Rose a ir a um quartel devido a uma carta que mandou a Kurt em que diz que Hitler é mentiroso. A sua vizinha de quarto, Hedwid ajuda Rose. Esta vai a Alexanderplatz como lhe mandaram e quem a atende dá-lhe cinco dias para fugir.

A autora: Ilse Losa

O Mundo Em Que Vivi é um livro cuja autora é Ilse Losa e a editora Afrontamento.
Ilse Losa nasceu na Alemanha a 20 de Março de 1913 e faleceu no Porto a 6 de Janeiro de 2006. A sua primeira obra foi O Mundo em que Vivi (1943), seguida de Faísca conta a sua história (1949), Grades brancas (1951), Rio sem ponte (1952), A flor azul (1955), Ida e volta (1958), Sob céus estranhos(1962), Encontros no outono (1964), O barco afundado (1979), Na Quinta das Cerejeiras (1984), A visita do padrinho (1989), Um artista chamado duque (1990), Beatriz e o plátano, O Rei Rique e outras Histórias e por fim O Senhor Pechincha e Outras Histórias.
Recebeu alguns Prémios Literários: o da Fundaçao Gulbenkian, em 1982, o grande prémio Gulbekian, em 1984, Prémio Maçã de Ouro da Bienal Internacional de Bratislava, em 1989.
Frequentou o liceu Osnabrück e Hildesheim. Mais tarde frequentou um insttuto comercial na cidade de Hannover.

Análise da capa, contra-capa e ideia geral do livro

Título da obra: O Mundo em que Vivi
Nome do autor: Ilse Losa
Editora: Afrontamento
Número da edição: 27ª edição
Número de páginas: 196
Autor das ilustrações: Gretchen Wohlwill
Autor do desenho do rosto: Ângela Melo

A capa do livro é predominantemente das cores verde e azul, onde está uma menina de aproximadamente 12 anos com a fotografia do sítio onde viveu na sua primeira infância.
Na contra-capa do livro aparece uma opinião do crítico literário Óscar Lopes sobre a obra.
A obra fala sobre a vida de uma menina judia, Rose Frankfurter, através de sucessões de memórias.